Atualmente apenas 5% das pessoas com hepatite viral sabem que têm o vírus e um em cada 100 indivíduos com a doença está sendo tratado. O alerta é da Organização Mundial da Saúde, OMS.

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

A Organização Mundial da Saúde, OMS, declarou a Índia livre do tétano neonatal e materno e também livre da bouba, uma doença rara de pele. Os certificados oficializando os progressos foram entregues esta quinta-feira, em Nova Déli, ao ministro da Saúde, J P Nadda.

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

​Mais de 5 mil mulheres morrem todos os anos de câncer de colo de útero, no Brasil. É o terceiro tipo mais comum da doença no sexo feminino e também uma das maiores causas de morte por câncer entre elas – perde só para os de mama e os de cólon e reto. Para 2016, o Instituto Nacional do Câncer prevê 16.340 novos casos. Em 100% deles a doença estará relacionada à infecção pelo HPV.​

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

O número de surtos de caxumba no Brasil tem aumentado de forma significativa nos últimos anos, batendo recordes anuais em diversos municípios brasileiros, mesmo com a vacina para a doença disponível na rede pública de saúde.

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Está prevista para esta semana a conclusão da análise em ossadas de macacos encontradas em Mirabela, Coração de Jesus e Brasília de Minas, no Norte do Estado.

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Grávidas imunizadas contra o vírus influenza não só afastam os riscos de complicações durante a gestação como também protegem os filhos mesmo depois de o nascimento.

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Diferentes estudos têm mostrado que estresse e depressão, além de afetarem a qualidade de vida, enfraquecem o sistema imunológico. Agora, pesquisadores americanos constatam que esse efeito pode ser especialmente perigoso para mulheres com o papiloma vírus humano (HPV).

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

RIO — Em até 12 meses, o planeta deverá se ver livre da poliomielite, doença que paralisou milhares, especialmente crianças, ao longo de séculos.

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

Desde o início da divulgação de que há um surto de H1N1 em curso no País, junto com o pânico de famílias buscando com urgência a imunização surgiu também uma corrente que alega que a vacina contra a doença não seria segura ou eficaz o suficiente, baseando-se em argumentos que questionam desde a composição da fórmula do imunizante até a real necessidade de recebê-lo.

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn

A partir do dia 11 de abril, após antecipação da campanha anual, a rede pública de saúde vai dar início à vacinação contra a gripe, que inclui a imunização ao vírus H1N1. Nesta primeira fase, serão vacinados apenas os grupos de risco — pessoas fora desta classificação, e que estejam abaixo dos cinco anos e acima dos 60, poderão ser imunizadas a partir do dia 30.

Submit to FacebookSubmit to Google PlusSubmit to TwitterSubmit to LinkedIn